Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Renata Fausti abrilhantou os palcos de Raul Gil no último sábado, dia 07 de julho.

Natalia Fungaro/Asimp

Em sua primeira aparição no quadro Mulheres Que Brilham, Renata interpretou a música “Se Quer Saber”, conhecida na voz de Maurício Manieri, composta pelo próprio em parceria com Fábio Goes e Alexandre Grooves. Ao final de sua apresentação foi aplaudida de pé pela plateia e muito elogiada pelos dos jurados.
A jurada Dhi Ribeiro, que é sambista, foi a primeira a falar: “Eu adorei esse momento representativo da MPB. O pessoal sentado com o violão, a voz e a comunicação. Muito bacana. Parabéns.

O escritor e crítico musical, José Messias, falou em seguida: “Musical é isso que tá aí que eu vivo aqui falando na televisão. É o melhor musical ao vivo da televisão brasileira. Aqui a gente só não vê cantoras, a gente vê músicos também, isso é bom demais. E como brilha essa mulher!

Marcos Maynard, presidente da Maynard Music, disse: “Olha, eu estou muito feliz de tá participando do seu programa Raul, porque aqui tem de tudo: grandes interpretes, grandes músicos tocando, realmente um programa sério. Não é um programa de calouros, é um programa de profissionais e estou muito orgulhoso também de você ter cantado a música de um camarada que eu lancei quando era presidente de outra companhia, que é o Maurício Manieri. Um dos grandes cantores desse país. Grande craque. E depois uma coisa importante: você trouxe a música pra você. Porque o Mauricio tem uma peculiaridade muito grande cantando, um carimbo fortíssimo cantando, e você cantou do seu jeito. Eu nem me lembrava mais que a música era do Maurício, sabe por que? Porque você tomou a música pra você. Parabéns! Parabéns! Espetacular. Arrasou. Ela quer ganhar!

A jurada Fran Fortunato, gerente de marketing da Sony Music Brasil. “Concordo, e a gente presta atenção nisso, porque o artista tem que trazer a sua marca, tem que trazer o seu estilo e você mostrou isso. Estava super segura, a vontade na música, isso você deixou bem claro pra todo mundo, a linda voz. Parabéns! Muito bom.

O último jurado a falar foi Luiz Carlos Maluly, produtor fonográfico. “Bem Renata, tudo foi dito. Você brihou. Canta fácil. Maravilha, Renata. Parabéns!

Quando deixava o palco, Raul Gil a elogiou e exclamou: “Muito graciosa. Essa... Essa é uma artista!”

Não poderia ser melhor a estréia de Fausti nos palcos de Raul Gil.

Renata Fausti  “Pé Vermelho”

Natural de Londrina - PR, a cantora, compositora e violonista Renata Fausti, veio para São Paulo aos oito anos com sua família, e trouxe na bagagem uma forte influência musical herdada de sua mãe, Raíza Oliveira, com quem fez sua estréia em composições e tem parceria até hoje.

Foi na igreja onde começou a história de Renata e a música. Lá tocou pela primeira vez e nunca mais parou. Autodidata, toca violão e canta desde os dez anos.

Fausti teve seu primeiro contato com o público aos onze. Convidadas, ela e sua mãe cantaram juntas na festa da cidade.

Daquele dia em diante, a certeza que a música regeria sua vida só aumentou.

Oficializou a dupla com a mãe, Raíza e Renata, e cantou ao lado dela por 5 anos.

Aos dezesseis anos, Renata Fausti se encantou pelas músicas de Djavan, e entendeu que ali se iniciava uma nova fase de sua carreira: seu caminho dali para frente era sozinha.

Durante quinze anos Renata tocou na noite, passando por diversos barzinhos e casas de shows, porém infelizmente o desgaste que veio junto com a tamanha experiência desses anos todos na estrada, acarretou em um problema muito sério nas cordas vocais e a cirurgia para retirada de um calo vocal era sua única chance de continuar cantando. O momento difícil passou, recuperada, e dando a volta por cima, Fausti entrou em estúdio e gravou seu primeiro trabalho.

Em 2009, Renata Fausti lançou em Portugal seu debut album pela gravadora Libra Music/ Universal Music. Um CD com doze faixas, leve, com melodias e arranjos únicos, que trouxe músicas feitas por ela em parceria com outros compositores, além da regravação de “Se Quer Saber” (Maurício Manieri) e “Aventura” (Eduardo Dussek e Luis Carlos Goes).

Em Portugal, as músicas "Eu Não Gosto De Nada", “Ainda Estou Aqui” e ”Eu Não Dou Mais Pra Você” entraram na programação de mais de 48 rádios e esse álbum continua sendo muito executado.

Depois da temporada na Europa, Renata retornou ao Brasil e continuou sua caminhada passando por palcos do Brasil todo, levando sempre um show sutil, delicado, repleto de qualidade e talento.

“A música me deu tudo que eu tenho”.

É com respeito, seriedade e verdade, que Fausti conduz sua carreira e deixa por onde passa alegria, pureza, brilho e muita, mas muitas saudades, daquelas que só alguém especial é capaz de deixar.

Atualmente, com o intuito de divulgar seu trabalho no Brasil, Renata Fausti participa de “Mulheres Que Brilham”, concurso que acontece dentro do Programa Raul Gil, no SBT.

Renata segue com um novo projeto: a gravação de seu primeiro DVD, Renata Fausti – Sutil. Um trabalho cheio de coisas lindas, novas canções, novas parcerias e convidados mais que especiais.

Pra quem gostou da interpretação de “Se Quer Saber”, entre no site www.onerpm.com/renatafausti e baixe a música.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.