Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Tubarão-bambu, pinguim-de-magalhães, peixe-palhaço, raias, anêmonas e recife de coral, polvo e uma muitos outros peixes de água doce e água salgada estão entre os animais aquáticos que podem ser vistos de perto no Aquário Marinho de Paranaguá. O local, que pertence ao Instituto Ambiental do Paraná (IAP), abriga mais de 200 espécies e foi diversidade que levou mais de 81 mil pessoas ao local, só nesta temporada.

Em média, 900 pessoas visitaram o aquário por dia entre os meses de dezembro de 2014 e fevereiro de 2015. Somente em janeiro foram mais de 50 mil visitantes, e 300 mil pessoas estiveram no local desde sua inauguração, em janeiro do ano passado. 

Além de opção de lazer para quem vive ou visita Paranaguá, o aquário ajuda a fomentar o turismo no Litoral paranaense e também cumpre a função de educação ambiental.

A maioria das 200 espécies de animais de água doce e salgada é encontrada no próprio Litoral paranaense. O local agrada a adultos e crianças. O funcionário público Juliano Cunha foi ao aquário com a esposa e a filha de quatro anos. Todos saíram contentes com o que viram. “É muito interessante, são diversas espécies que a gente não conhecia ou que só via pela televisão e agora tem a oportunidade de ver de pertinho”, disse ele.

Stephanie, a filha de Juliano, ficou encantada ao ver de perto o “Nemo” – o peixe-palhaço retratado no filme da Disney. Ele também gostou de conhecer o “caranguejo peixe é”, das músicas infantis. Um dos espaços do aquário recria o ambiente de manguezal, com os crustáceos e as plantas encontradas neste bioma.

TANQUES DE TOQUE – Entre as centenas de espécies abrigadas no local, os pinguins-de-magalhães estão entre as que mais chamam atenção. Eles habitam as zonas costeiras da Argentina e do Chile e anualmente migram para o Brasil ou outros países da América do Sul. O problema é que muitos se perdem do bando durante o processo migratório e acabam morrendo nas praias brasileiras. Os pinguins do Aquário de Paranaguá foram resgatados no Litoral paranaense e agora estão num ambiente propício para sua sobrevivência.

Os tanques de toque também agradam os visitantes. Neles, as pessoas podem tocar em animais como as raias, anêmonas, pepino e bolacha do mar, possibilitando diferentes experiências sensoriais. O casal de tubarões fica no tanque oceano, junto com outras espécies. O filhote tubarão fica em um espaço especial. Polvo, peixes de água doce e salgada e recifes de coral complementam as atrações.

Há uma constante renovação. A próxima novidade no Aquário Marinho será uma fêmea de tubarão-lixa adulto, com dois metros de comprimento. Ela virá de Guarujá para Paranaguá e a previsão é que chegue nas próximas semanas. 

MUITO LINDO - A dona de casa Adinir Pereira de Oliveira, que mora em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, disse que ficou encantada. “Nunca achei que um dia pudesse tocar numa raia. É emocionante, muito lindo”, afirmou.

Moradora de Matinhos, Alcenir Cabrini levou a mãe e a sobrinha e se surpreendeu com o que encontrou no local. “Eu já tinha ouvido que o aquário era muito lindo, mas é a primeira vez que viemos visitar e estamos encantadas”, disse. “Gostei de tudo, cada espécie, cada bichinho tem seu encanto natural”, ressaltou.

Conhecer de perto a diversidade

para aprender a conservar (box)

Dividido em três pavimentos, o Aquário de Paranaguá é um dos maiores do País, cerca de dois mil metros quadrados. São 23 tanques, além de biblioteca, auditórios, espaço para exposições, brinquedos infláveis, loja e lanchonete.

“O local mostra para a população e turistas espécies da fauna aquática, principalmente da nossa bacia litorânea, que é muito rica em beleza e qualidade”, diz o presidente do IAP, Luiz Tarcísio Mossato Pinto. “Vendo de perto essa diversidade, as pessoas entendem melhor a necessidade de preservar o meio ambiente, pois só se preserva aquilo que se conhece”, afirmou. 

Durante todo o ano, o aquário desenvolve atividades de educação ambiental, principalmente entre crianças e jovens, com foco também nos moradores da região. 

“Com nosso programa de conscientização e educação ambiental, mostramos aos turistas e moradores a importância de preservar o meio ambiente”, explicou a educadora ambiental Carolina Virga. “Com isso, cria-se a consciência de que se o oceano e os manguezais forem preservados, os peixes continuarão a procriar e nunca faltará alimento”, explica.

São palestras, jogos lúdicos e estudos dirigidos, que envolvem assuntos como conservação e evolução dos animais e poluição marinha. 

Escolas públicas e particulares interessadas podem levar seus alunos para conhecer o local. Para isso, a equipe do Aquário monta uma programação especial com seus monitores. O agendamento dos grupos de estudantes pode ser feito pelo telefone (41) 3425-8063 ou pelo e-mail ambiental@aquariodeparanagua.com.br.

SERVIÇO

Aquário Marinho de Paranaguá

Endereço: Rua João Régis, Centro Histórico, Paranaguá

Horário de visitação: diariamente, das 10h às 18h

Ingressos: R$ 20,00 (adultos), R$ 15,00 (crianças de 5 a 14 anos) e R$ 10,00 (acima de 60 anos)

Moradores de Paranaguá têm 50% de desconto não-cumulativo mediante apresentação de IPTU, conta de água, luz ou outro comprovante de endereço, nominal e pago em dia. É obrigatória a apresentação de documento com foto.

Professores também têm 50% de desconto.

Agência de Notícias PR

Clique nas fotos para ampliar

Aquário de Paranaguá.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Aquário de Paranaguá.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Aquário de Paranaguá.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Aquário de Paranaguá.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Aquário de Paranaguá.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Aquário de Paranaguá.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Aquário de Paranaguá.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Aquário de Paranaguá.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Aquário de Paranaguá.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Carolina Veiga, educadora ambiental do Aquário de Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr
Juliano Cunha.Paranaguá. Foto: Arnaldo Alves / ANPr

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.