Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Em evento no Rio de Janeiro, Henrique Alves fala das ações do setor e defende que as atrações de São João entrem na programação cultural da cidade durante os Jogos

O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, e do Esporte, George Hilton, se reuniram na quarta-feira (16) com o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, e o vice-governador do estado, Francisco Dornelles, para tratar das ações de preparação do governo para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. A comitiva também visitou o Museu do Amanhã, localizado na Praça Mauá, no centro da cidade.

"Este é o grande momento. Além do esporte da medalha, há um outro esporte que queremos que pratiquem no Brasil, que é o de conhecer e descobrir o nosso país. Vamos receber aqui 206 países e 25 mil jornalistas. A Olimpíada, sem dúvida, irá representar o grande momento para o mundo descobrir esse novo Brasil que queremos fazer e o Turismo é um dos grandes legados desse grande evento”, afirmou o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves.

Durante o encontro, o ministro defendeu a inclusão de atrações de festividades juninas no Boulevard Olímpico, iniciativa que contará com programações culturais e transmissões das competições esportivas em três áreas da cidade: Parque Madureira, Centro Esportivo Miécimo da Silva e Zona Portuária. No último mês, Henrique Alves se reuniu com músicos do forró e parlamentares e definiu uma extensa agenda de divulgação dos festejos juninos. A apresentação da cultura junina no Rio durante a Olimpíada é uma forma de projetar os festejos para todo o mundo.

Também esteve na pauta a Casa Brasil, espaço para a promoção do Brasil que funcionará durante os jogos. Trata-se de uma das principais ações de comunicação e espaço de referência do governo federal na Olimpíada. Vai funcionar de 04 de agosto a 18 de setembro no Píer Mauá, Boulevard Olímpico.

“Vamos aproveitar o espaço para apresentar os principais atrativos turísticos dos destinos brasileiros, com sua diversidade cênica e cultural, para o público interno e turistas estrangeiros. Será a vitrine do Brasil nos jogos”, disse Henrique Alves. O MTur deverá investir cerca de R$ 5 milhões para implantação do projeto.

O legado do Turismo

O MTur está atuando em outras frentes na preparação do país para os jogos, cujo legado será o aumento da competitividade do turismo nacional e da melhoria das condições de atendimento ao turista no Rio de Janeiro, principal destino de lazer do país.

A qualificação profissional é uma delas, com a previsão de treinamento de 9 mil empreendedores (donos de quiosques/barracas de praia e trabalhadores em albergues). No âmbito do Pronatec Turismo, foram abertas outras 4 mil vagas para cursos relacionados ao receptivo turístico no Rio e também nas outras cidades do futebol olímpico (Brasília, Manaus, Belo Horizonte, São Paulo e Salvador).

Além da qualificação, o MTur está investindo em projetos de sinalização para orientar turistas sobre os principais atrativos do Rio. O investimento de R$ 14,5 milhões no projeto, ainda em fase de instalação de placas, está inserido no montante de R$ 55,4 milhões de contratos do ministério na cidade do Rio de Janeiro.

Na promoção do destino Brasil, a principal aposta do Ministério do Turismo são as ações de divulgação dos destinos durante o revezamento da tocha olímpica por mais de 320 cidades. A Pasta elaborou uma chamada pública para promover presstrips para as cinco regiões do país. O objetivo da iniciativa é contribuir para a divulgação dos destinos que receberão a tocha olímpica, a partir do dia 3 de maio.

No quesito facilitação de viagens, o Brasil conseguiu um feito inédito e isentou de visto de entrada turistas de quatro países considerados estratégicos durante o período dos jogos - Estados Unidos, Canadá, Japão e Austrália. A medida, que vale para o período dos jogos, deve estimular o aumento de fluxo de turistas destes países para o Brasil.

Asimp/MTur

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios